Exibir tudo

“A SUAVE INVASÃO”: Práticas e representações do movimento Hare Krishna em Pernambuco (1973-1996)

Leon Adan Gutierrez de Carvalho

Resumo

O movimento Hare Krishna chegou ao Brasil em 1973, através de membros da International Society for Krishna Consciousness (ISKCON), instituição religiosa fundada em 1966, em Nova Iorque por Bhaktivedanta Swami Prabhupada. Naquele mesmo ano, esse movimento religioso chegaria a Pernambuco trazendo consigo seus membros, crenças e práticas para o espaço público do estado e despertando a atenção das pessoas e dos jornais. Nesse trabalho de dissertação, analisamos alguns dos possíveis percursos que o movimento realizou durante a sua inserção em Pernambuco e de como teria se institucionalizado e propagado no estado, entre os anos de 1973 e 1996. O objetivo principal do trabalho foi entender algumas das práticas desenvolvidas por seus membros nesse período e como elas foram representadas em alguns dos jornais locais. Pudemos compreender que, dentro da conjuntura mais ampla do debate acerca dos “novos movimentos religiosos”, o Hare Krishna em Pernambuco foi classificado pela imprensa como “seita”, numa perspectiva que pretendia deslegitimar esse e outros grupos classificados como “seitas”, através de representações nos jornais. A contribuição teórica de autores como Michel de Certeau e Roger Chartier foi fundamental na maneira como conduzimos essa pesquisa.

Leia a dissertação <<<“A SUAVE INVASÃO”: Práticas e representações do movimento Hare Krishna em Pernambuco (1973-1996)>>> de Leon Adan Gutierrez de Carvalho ou baixe  diretamente no repositório digital da UFPE.

Confira outros textos de <<<Leon Adan Gutierrez de Carvalho>>> publicados no Mídia, Religião e Sociedade.

 

 

mm
Mídia, Religião e Sociedade
O "Mídia, Religião e Sociedade" se dedica à promoção de conteúdo acadêmico sobre o tema Mídia e Religião. Conheça pesquisadores da área, acesse entrevistas, artigos, livros e teses no site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *